quarta-feira, 6 de julho de 2011

Era disso que eu tinha medo...do que não ficava pra sempre

Postado por Camilla Fernanda às 17:48
Reações: 

"Me atirava do alto na certeza de que alguém segurava minhas mãos, não me deixando cair. Era lindo, mas eu morria de medo. Tinha medo de tudo quase: Cinema, Parque de Diversão, de Circo, Ciganos. Aquela gente encantada que chegava e seguia.
Era disso que eu tinha medo. Do que não ficava pra sempre." 


(Antonio Bivar, trecho de “Era uma vez”. Também incluído na música Dadivosa - Ana Carolina recitado por Maria Bethânia)

3 comentários:

Carmen Regina Dias on 27 de junho de 2012 00:51 disse...

sou uma eterna apaixonada destes momentos poéticos que trincam meu coração...

gratitude

por abrir esta janela no saláo de jade do tempo.

sbraços ficando...

Josy on 28 de setembro de 2012 01:27 disse...

‘‘Que bom se eu fosse uma diva daquelas bem dadivosa, que entra vida e sai vida, ficasse ali verso e prosa.’’

Josy on 28 de setembro de 2012 01:30 disse...

‘‘Que bom se eu fosse uma diva daquelas bem dadivosas que sai vida entra vida ficasse ali verso e prosa.’’

 

Tudo que acho certo Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei