segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Pra que me serve um negócio que não cessa de bater?

Postado por Camilla Fernanda às 21:12
Reações: 

"Meu coração lá de longe

faz sinal que quer voltar
Já no peito trago em bronze:
NÃO TEM VAGA NEM LUGAR.
Pra que me serve um negócio 
que não cessa de bater?
Mais parece um relógio
que acaba de enlouquecer.
Pra que é que eu quero quem chora,
se estou tão bem assim,
e o vazio que vai lá fora
cai macio dentro de mim? " 


[Paulo Leminski - ALÉM ALMA (UMA GRAMA DEPOIS).]

2 comentários:

.Sté. on 30 de agosto de 2011 11:36 disse...

Nossa. Caraca tô de cara com o texto até agora.
Quanta seriedade e vontade de estar só em poucas palavras.
Beijos Camila

Andréa Beheregaray on 16 de setembro de 2011 00:02 disse...

Caio é divino, divino e certeiro!

Aprendiz de psi, adorei. Significa aprendiz de bruxa!

Beijos.

 

Tudo que acho certo Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei